terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

CREME DE PAPAIA COM CASSIS

Uma sobremesa que adoro, é leve, gostosa, fácil de fazer.













Para uma receita individual,  (muito bem servida-dependendo da pessoa dá pra 2) vc vai precisar de  1 mamão papaia, 3 bolas de sorvete de creme e licor de cassis.
Lave o mamão, corte, tire as sementes e a casca, ponha no liquidificador e bata rapidamente com as 3
 bolas de sorvete de creme. Coloque numa taça e regue com o licor de cassis. Sirva imediatamente.






domingo, 12 de fevereiro de 2012

CONGELAMENTO (conheça esta técnica)

                                            NOÇÕES  GERAIS

F R E E Z E R -  uma solução p/os problemas de tempo e dinheiro. Sabendo usa-lo se transforma em instrumento indispensável de trabalho.
Reservar uma tomada exclusiva. Quando faltar energia, não abrir a porta, não tirar nada de dentro, com esses cuidados , tudo que tiver armazenado permanecerá perfeito por até 8 horas.
Quanto menos abri-lo, melhor. Para remoção do gelo usar somente espátula de borracha ou silicone.
Somente 10 por cento de sua capacidade deve ser usada com alimentos novos, num mesmo dia.
Os alimentos só devem ser colocados nas prateleiras da porta quando já tiverem CONGELADOS .
Quando colocar um alimento para congelar procure coloca-lo em cima do gelo, isto é em cima da prateleira e não em cima de outro alimento.

DEGELO:  Deve ser feito de 6 x 6 meses.  Quando o modelo for Frost Free não é necessário, somente fazer limpeza. Para degelo escolher uma época em que não haja muito estoque. Desligá-lo da tomada,  pode ser usado ventilador, secador de cabelos ou aspirador pó, para ajudar derreter o gelo.
Após descongelado e limpo, religar a tomada e esperar pelo menos uma hora para recolocar os alimentos que devem ter ficados num isopor com muito gelo ou em outro freezer, congelador, geladeira portátil previamente refrigerada.

Congelador Não é freezer. O freezer chega a temperaturas inferiores a -17ºC ,  o congelador não passsa de -8ºC

VANTAGENS:

Após o período inicial de organização, usa-se menos tempo para cozinhar.
Menos desperdício de alimentos.
Economiza-se gás.
Economiza-se tempo e dinheiro fazendo as compras por atacado e nas épocas de safra.
Permite grande variações de refeições prontas, bem como, o uso de produtos fora da estação.
Facilita o recebimento de visitas inesperadas, podendo oferecer um aperitivo, um lanche, até mesmo um almoço em menos tempo. Também menos preocupações com o almoço de fim de semana.
Maior aproveitamento do seu tempo para outras atividades.
Pode ser feito tudo isso sem que os alimentos percam o sabor e o valor nutritivo.


T É C N I C A S:
Tudo a ser congelado deve ser fresco e íntegro.
Observar rigorosamente o tempo de cozimento, bem como o resfriamento, para que o alimento não perca suas propriedades.  
Oa produtos frescos a serem congelados devem ser separados imediatamente (no momento da sua aquisição) caso impossivel, devem ser guardados na geladeira até o seu processo de congelamento.
Embalar corretamente, extrair o ar (o + possível), fechar muito bem para não ressecar (de forma que o alimento não esteja em contato com o ar frio e seco do freezer) e etiquetar. Já empacotaddos, deverão ficar na geladeira para serem guardados todos juntos, a fim de evitar a porta muito tempo aberta, o que é incoveniente. Procure congelar sempre o suficiente para uma refeição.
Nenhum alimento pode ser recongelado, isso faz com que os mesmos percam o sabor e qualidades.
O alimentto congelado tende a amolecer um pouco mais, portanto deve ser cozido o mínimo possível.
O congelamento dilata os alimentos sólidos e líquidos, portanto deixe sempre um pouco de espaço na parte de cima das embalagens. Para alimentos líquidos dois dedos, sólidos um dedo.**** A maioria dos alimentos grudam uns nos outros, para que isso não aconteça congelar separadamente, colocando o alimento num tabuleiro, sobre um plastico  e deixando por duas horas, depois retirar, por numa embalagem(+a frente) e acomodar no freezer.  Se fizer em camadas, separá-las com plasticos. Esste metodo é muito utilizado em congelamento de bifes, linguiças, chama-se '''congelamentto solto''' etc .
Quando for utilizar o alimento congelado, tire do freezer antes e coloque  na geladeira para descongelar, nunca deixe sem refrigeração, não ponha na água nem no sol. Salvo algumas excessões, como o hamburgueres, nugets, etc. etc. que vão direto pra frigideira.
Quando congelar um alimento, sempre usar uma etiqueta com o tipo de alimento, a data da execução, data de validade, ou qualquer outro dado importante pra voce.
Além disso se quiser faça uma relação de tudo que tem congelado, com o tipo de alimento, as datas de validade, em ordem de vencimento, vai usando e riscando.

Abaixo dois modelos de bombinhas pra tirar o ar e por ultimo o vacuum sealer (ideal) que tira o ar e sela a embalagem.



NÃO   PODEM   SER   CONGELADOS:

Amido de milho
Maionese   (talham e rançam)
Saladas cruas
Ovos cozidos
Massas sem molho
Gelatinas (talham)
Claras em neve ou cozidas
Batatas   (com excessão de fritas ou parcialmente fritas ou então em pratos cuja proporção de batatas seja inferior a 40 por cento)
Manjares  (tudo que vai amido de milho) então engrosse com farinha de trigo, fécula, araruta etc. aí então pode
Pudins cremosos  (desandam)
Cremes (tipo mingau) 
Creme de leite (talha e amarela)
Curau  (ele é o proprio amido de milho)
O mais, tudo pode ser congelado: verduras, legumes, temperos, carnes, peixes, frutas, doces, queijos (poucas excessões), pães, comida pronta etc

O FREEZER  (QUALQUER MODELO)  ATINGE UMA TEMPERATURA DE  APROXIMADAMENTE 18 A 20 GRAUS NEGATIVOS.  O CONGELADOR DE UMA GELADEIRA ATINGE DE 0 A 7 GRAUS NEGATIVOS, NÃO PODENDO CONGELAR ALIMENTOS.


EMBALAGEM

Esta é uma das etapas mais importante, pois os melhores alimentos do mundo, nos melhores congeladores, estragar-se-ão se não forem devidamente embalados.
As embalagens  aconselháveis são:   sacos plásticos (proprios para este fim), caixas tipo tuperware ou plasticas (proprias para este fim), vidros, papel alumínio, papel filme etc. Vedação rigorosa.
Papel alumínio: lado brilhante sobre o produto, lado opaco para a parte externa, substitui tampas.
Sacos plásticos, tirar o ar com a bomba, adquirida nas lojas para este fim e fechar.

 

BRANQUEAMENTO

Branqueamento nada mais é do que escaldar o alimento durante alguns minutos (ver tabela mais a frente), depois ele deve ser resfriado e embalado. Este método, usado em legumes,  retarda a validade deles.

DESCONGELAMENTO
Forno microondas
Forno comum
Refrigerador
Temperatura ambiente(só em emergenccia ou quando requerer)
Banho-maria

------------------------------------------------


COMO CONGELAR





                                          V E G E T A I S

TEMPO DE CONSERVAÇÃO:

Vegetais prontos................................................... 3 meses
Vegetais branqueados..........................................12 meses
Vegetais não branqueados....................................  3 meses
Sucos de vegetais crus......................................... .4 meses
Temperos verdes crus.......................................... .6 meses

COMO BRANQUEAR:
Escolher alimentos com otima qualidade.
Lavar bem, tirando as partes danificadas.
Guardar na geladeira até serem preparados.
Branquear, resfriar, enxugar e embalar.

Resfriamento é parar o processo de cozimento.

Colocar numa panela, agua para ferver (o tanto suficiente para cobrir os alimentos). Quando ferver, mergulhar o alimentto nesta agua, por tempo determinado (ver tabela mais a frente). Esta agua pode ser reutilizada (até 8 branqueamentos) desde que tenha o cuidado de esperar que ela levante fervura novamente. No final esta agua pode ser usada para fazer Sopas.
Após passados os minutos de branqueamento, tirar o alimento e esfriar rapidamente. Por ele numa peneira ou escorredor, passar agua fria da torneira e depois mergulha-los numa bacia contendo agua com gelo. O resfriamento deve levar o mesmo tempo do branqueamento.  Secar muito bem com um pano ou papel absorvente, embalar e etiquetar.

OS VEGETAIS CONGELADOS DEVERÃO SER USADOS SOMENTE PARA REFOGADOS, INVIÁVEL USA-LOS PARA SALADAS.

TEMPO DE BRANQUEAMENTO DOS VEGETAIS

Abobrinha:  2 minutos
Abobora em pedaços:  3 min.
Acelga  (folhas) : 2 min.  e   talos: 4 min .
Aipo:  4 min.
Alcachofra (por 1 colher Sopa de limão na água):  7 min.
Alho poró: 4 min.
Almeirão:  2 min .
Aspargo:  4 min.
Berinjela em fatias:  3 min.     (melhor prato pronto)
Beterraba pequena, com talo:  4 min.
Beterraba grande:  8 min.    (cortar depois de fria,  se congelar com a agua que branqueou é melhor)
Brocolis:  4 min.    (antes deixar meia hora  de molho na água e sal)
Cebola:  2 min.  (somente use em refogados)  congela bem crua dentro do oleo,use o oleo também.
Cebolinha:  não precisa ser branqueada, após lavar, secar bem, embalar e congelar.
Cenoura em rodelas:  3 min .
Cenoura inteira:  5 min.
Chicoria:  2 min.
Chuchu:  2 min.   (melhor prato pronto)
Cogumelo:  2 min. (antes por de molho na água, sal e limão)
Couve:  1,5  min. (nem é necessário branquea-la, congela bem crua, já cortadinha, neste caso só pode ser usada para fazer refogada e dura 3 meses)
Couve de bruxelas:  4 min.
Couve-flor, em pedaços:  3 min. (sal e limão na água)
Ervilha:  1,5
Espinafre:  2 min.  (espremer bem e inutilizar a água)
Mandioca:  8 min. (se não quiser branquear congela bem crua, dura 3 meses)
Mandioquinha:  5  min .
Milho verde, espiga:  8 min.  (congela bem cru)
Milho verde, em grãos:  3  min.
Mostarda:  1,5 min.
Nabo, em pedaços:  2 min.
Palmito fresco:  5 min.  (por limão na água)
Pimentão, pedaços:  2 min.  Congela bem cru-dura 3 meses)
Quiabo:  3 min.
Repolho:  2 min .
Salsa:  não precisa ser branqueada, após lavar, secar bem, embalar e congelar.
Tomate:  ver mais abaixo
Vagem:  3 min.


SUCOS: Extrair o suco das verduras frescas e congelar em  porções individuais.
PURÊ:    podemos cozinhar as verduras e congelar o purê em pequenas porções para sopa  ou comidinhas infantis.

TOMATE: bata no liquidificador, coa e congela em cubos, em forminhas de gelo, dura 4 meses.
Outro modo: corta os tomates em 4, leve ao fogo e deixe nele 2 minutos ,apertando bem para formar líquido, tire do fogo e resfrie em 2 minutos também, bata no liquidificador, coe e congele.Dura 1 ano.



Se congelar o molho pronto, a duração é de 3 meses.

BATATA FRITA:  não frite muito, refrite no descongelamento.

ALHO:    congele-o cru, triturado melhor, dentro do oleo,com um pouco de sal

Em relação aos vegetais Não constantes da lista, observar o tempo previsto para os que mais se assemelham.

----------------------------------------------------------



                                              F   R   U   T   A   S



As frutas ou frutos podem ser congelados inteiros, cortados, esmagados, purê ou suco,  depende de cada um. Com excessão da banana e da pera d'agua, as demais frutas podem ser congeladas.
Dependendo de cada uma podem ser congeladas :
--em calda
--ao natural
--envolta  ou  batida com açúcar
--calda e ácido ascórbico

Calda:  
Leve ao fogo uma quantidade de agua e a mesma de açúcar (exemplo 1 xicara de cada uma), deixe ferver e deixe também esfriar antes de por a fruta. Deixar a fruta imersa nesta calda para congelar.

Natural:  algumas frutas congelam diretamente.

Envolta em açúcar:  passa-se a fruta no açúcar

Calda e ácido ascórbico:   é utilizado em frutas que escurecem, usado na hora de congelar, na proporção de  1 xic de água, 1 xic de açúcar e 1/2 colher de sopa de ácido ascorbico.

Se não puder congelar a fruta no momento da aquisição, deixe-a na geladeira.
Descascar e tirar a semente no momento do congelamento.
O descongelamento deve ser feito na geladeira.

O ácido ascórbico  pode ser substitído por:  1 litro de água e 2 colh.sopa de suco de limão.
Pulveriza na fruta que escurece.

                                 COMO CONGELAR CADA FRUTA
  Após lavadas e secas.

Abacate:  amassar ou bater com limão
Abacaxí:  ao natural (em pedaços ou fatias) OU passar no açúcar  OU em calda  OU suco (cubinhos)
Ameixa:  na calda ou passada no açúcar
Amora:  ao natural (não lavar)
Cereja:   tirar o caroço, na calda ou passada no açúcar
Coco:  ao natural, ralado ou em pedaços
Figos:  inteiros na calda, não esperar descongelar completamente para servir
Goiaba:  na calda, sem sementes
Jabuticaba:  ao natural
Kiwi:  ao natural
Laranja:  em gomos, sem a pele branca, sem sementes, passada nno açúcar ou na calda.Para fazer suco espremer levemente e coar.
Limão:  em suco, coar. Ralar a casca e guardar a raspa para uso
Maçã:  para usar em tortas. Descasque e corte em fatias, tire as sementes. (antes deixe imersa numa solução de agua e sal por 5 minutos (2 litros água-1 colher sal), congelar em calda e ácido ascorbico.
Maracujá:  em suco, bater ligeiramente e coar
Manga: ao natural ou fatiar e congelar na calda
Melão: ao natural ou em pedaços, na calda
Morango: ao natural ou  passar no açúcar
Pera:  calda e ácido ascorbico, para doces
Pessego:  calda e ácido ascórbico, tirar o caroço
Uva:  suco, coar
Pinhão:  ao natural, cozido, sem casca melhor
Castanha:  cozida e sem casca (purê)

Frutas oleaginosas:   nozes, avelãs, amendoas, retire a casca e congele inteira, ao natural. Descongelar em temperatura ambiente para voltarem ao natural e continuarem oleosas.

Chás:  devem ser feitos concentrados e congelados em forminhas de gelo.

VALIDADE:     6   MESES,  qualquer fruta.



DICA  DA   CELINA   PRA VOCES

Tenha sempre no freezer um saquinho com algumas frutas (relação abaixo), picadas, congeladas ao natural, faça um congelamento solto . A qualquer hora do dia, voce escolhe algumas delas e faz um suco. No café da manhã, antes da academia, na refeição, uma visita, podes crer, é muito prático, vale a pena. Podem ser:  abacaxí, ameixa, amora, caqui, figo, framboesa, kiwi, jabuticaba, jaca, mamão, manga, melancia,  melão, morango, uva, não precisa ser todas, apenas algumas delas.  Pique-as e faça um congelamento solto, entre plastico, deixando um espacinho entre elas para não grudar, quando congeladas coloque todas num saquinho proprio para este fim e deixe no freezer, voce pega os pedaços que quiser, um a um para fazer o suco.




----------------------------------------------------




                                                 C   A   R   N   E   S



NUNCA LAVE A CARNE.

Todo tipo de carne pode ser congelada:  vaca, porco, carneiro, cabra, coelho, peixe etc, bem como os seus miudos: fígado, coração, rabo etc. e seus derivados:  linguiça, salsicha, presunto etc.   A validade é que vai variar, será de acordo com o tipo de carne.
Quando descongelada deverá ser usada em até 24 horas.
 O descongelamento deverá ser feito na geladeira, pois deve ser o mais lento possível para que a perda de suco seja menor.
                              A carne fresca só deve ser congelada 24 horas após o seu abate. 
O animal, ao morrer, expele toxinas.

 É importante escolher carnes de boa qualidade.
Antes de congelar a carne retire todo o excesso de gordura, bem como os ossos desnecessários. Os que ficarem deverão ser protegidos com papel filme para que não furem as embalagens.Não temperar e nem salgar, pois os temperos escurecem a carne e se acentuam no congelamento, em suma se voce salgar a carne, quando descongelar, ela estará mais salgada ainda. Acomode-a sempre no sentido da fibra , sem dobrar ou amassar.  Deixa-la já preparada de acordo com a finalidade a que se destina.  Embalar a quantia necessária para uma refeição, em sacos plásticos proprios, potes plásticos proprios,  pirex etc. extraindo o ar e fechando bem.
BIFES:  congele em tabuleiros, congelamento solto, veja explicação no início em "Técnicas" ****
CARNE MOÍDA:  o mais magra possível, congelar quantidades de no máximo meio quilo, embale em sacos plásticos para este fim.
 O congelamento amolece um pouco a carne, portanto tome cuidado ao usar panela de pressão para cozinha-la.
Depois de descongeladas , deverão receber o mesmo tratamento como se fossem frescas, podendo ficar de um dia para o outro em vinha d'alhos, esse tempo não deve ultrapassar 24 hs.
As carnes mais engorduradas tem menor validade que as sem gordura .
Cabrito, carneiro e coelho:  tirar a glandula sebácea.

A carne, assim como todo e qualquer alimento que foi descongelado, deverá ser consumido em até 24 horas.

TIPOS DE CARNES   E   TEMPO DE CONGELAMENTO

Carne de vaca fresca     6 meses
Miudos de vaca fresca     3 meses
Carne de vaca comercial (supermercado hamburguer)     2 meses
Carne de porco fresca     6 meses
Carne de porco comercial     3 meses
Linguiça e Salsicha     2 meses
Bacon e Presunto     1 mes
Tender     6 meses
Carneiro, coelho     6 meses
Vitela     4 meses
 

  
                                       
                                                A    V    E    S





 A ave  ''abatida na hora"  deverá ficar na geladeira por 6 horas antes de ser congelada, ela fica mais macia.

Deverá estar limpa, lavar em agua fria e enxugar, retirar os miúdos e congelar à parte. Para ser assada, deixá-la inteira, preencher o espaço vazio interno com plastico, untá-la  com manteiga (evita a pele rasgar), embalar em película e saco plástico. Para ser consumida em pedaços, cortar e embala-los.
O escurecimento dos ossos não altera a qualidade. A ave recheada não deve ser congelada. A ave comprada congelada deve ir direto pro freezer. Descongelar no refrigerador. Após seu descongelamento deverá ser consumida em até 24 horas.


 

Pato:                
                  o mesmo processo, só congelar os novos
Peru:                   
         o mesmo processo, só congelar os novos e inteiros


Sempre que usar caça fresca retirar as partes ensanguentadas pois produzem mau cheiro e gosto ruim bem como também as víceras.  
Os coelhos deverão estar gelados quando forem congelados.

As carnes podem ser congeladas cruas ou cozidas, mas nunca recongeladas.



 CARNE        E              TEMPO DE CONGELAMENTO


Frango fresco     9 meses
Frango comercial     2 meses
Peru fresco     6 meses
Pato     6 meses
Codorna     6 meses
Galinha     6 meses
Miúdos     3 meses




                                          

                        P    E    I    X    E    S
 
 
Permanencia obrigatória em geladeira até seu congelamento. O ideal é aquele que foi pescado a poucas horas antes do seu preparo.  O peixe gordo suporta menos o congelamento que o peixe magro.
Antes do seu congelamento, este deve ser escamado e bem limpo (tirar barbatanas e víceras) e ser passado por agua fria. Congela-se inteiro ou em filés (no caso de filés congela-los individualmente em película plastica ou congelamento solto, já explicado anteriormente).
DICA:  No caso do peixe magro, este deve passar por uma solução de agua e sal (1/2 xic chá de sal para 2,5 litros de agua) por 5 minutos,  isto o enrijece e melhora o sabor.
Embala-los duplamente para evitar cheiros (use dois plasticos em sentido contrário).
Peixe magro  aquele que acumula gordura no fígado ex. bacalhau, cação, linguado, robalo, pirarucu, pescada  etc
Peixe gordo   aquele que acumula gordura entre a pele e a carne ex. atum, sardinha, pintado, anchovas etc.
Bacalhau: nunca congele com sal. Deixe de molho, de 24 a 48 horas,  em geladeira, trocando a agua sempre  (Dica: na ultima agua coloque uma colher de sobr.de fermento em pó para cada quilo).  Escorra a agua, enxugue e congele.
Peixe pode ser congelado recheado. Quando assar colocar fatias de batatas em baixo, para não grudar.
Descongelar no refrigerador.



                             C R U S T A C E O S
                                         





                                              


Em certos meses do ano eles são mais baratos, por isso vale a pena congela-los para utilização posterior.
Os siris, carangueijos e as lagostas, deverão ser escaldados  20 minutos e esfriados rapidamente.
O camarão pode ser congelado cru ou cozido, no caso de cru deve-se tirar a cabeça e a tripa, passa-lo numa solução de uma colher de chá de sal para um litro de agua, secar e congelar.  No caso dele cozido proceder como qualquer outro tipo de alimento pronto.

PEIXE                 TEMPO DE CONGELAMENTO
Peixe magro     6 meses
Peixe gordo     3 meses
Peixe de peixaria     1 mes
Camarão fresco     4 meses
Camarão e peixe comercial     3 meses (são os super gelado)
Lagostas, carangueijos, siris, ostras, lulas,      6 meses





                    O   V   O   S


Os ovos não podem ser congelados dentro da casca. Podem ser congelados de diferentes maneiras: só as gemas, só as claras ou o ovo todo mexido.
OVOS INTEIROS: misturar ligeiramente gemas e claras com um garfo, p/não entrar ar e as gemas não engrossarem, embalar em potinhos e etiquetar. Duração   6 meses.
CLARAS: congelar em potinhos. Duração 6 meses.
GEMAS:   misturar com um garfo, idem acima.
Nunca esquecer de colocar a quantidade na etiqueta.
Para dosar as medidas nas receitas:
2 colh.sopa de claras     1 clara
1 colher sopa de gema     1 gema
3 colh.sopa de ovos inteiros     1 ovo
1 xic.de chá de claras     4 claras
Descongelar em temperatura ambiente ou no refrigerador. Utilizar no mesmo dia.


 


                          L   E   I   T   E



Leite homogeneizado congela-se bem.
Duração:     3  meses
Congela-se na propria embalagem.
Descongela-se no  refrigerador, de véspera ou diretamente no fogo.
Se granular, bater com uma colher de pau  ou  na batedeira.



                                    M   A   N   T   E   I   G   A
                                                          OU   MARGARINA


Pode ser congelada com ou sem sal, somente se estiver fresca.
Comprada em pacote, congelar na propria embalagem, descongelar direto no refrigerador. Se preferir divida em pedaços  menores e envolva em papel filme ou alumínio.
Duração:                           
COM SAL:    3 MESES
SEM SAL :    6 MESES



                                         CREME  DE  LEITE


Em lata é mais concentrado.
Pratos salgados :  usar com soro
Pratos doces:     usar sem soro
Para não talhar quando usar em pratos salgados, diminuir a quantidade de gordura (oleo,manteiga,margarina)
Quanto mais ferver mais endurece
Se quiser mais ralo, acrescentar leite comum
Se usar somente um pouco, o restante deve ser colocado num pote menor e ser congelado
Após congelado, só pode ser usado em pratos  salgados
CREME DE LEITE FRESCO:  colocar num tupperware fechado, agitar 10 vezes, tanpar e levar ao freezer. Duração: 3 meses.

          
                       Q U E I J O S


Congelam-se muito bem: prato, muçarela, provolone, suiço, chedar, gouda, emmenthal, parmesão..
Cortar em pedaços de 250gm, envolver no papel filme e guardar em saco plástico proprio, no freezer.
Descongelar no refrigerador.
Duração:  4 meses.

Camembert, brie,cabra: congelar depois de maduros.
Duração: 6 a 8 meses
Gorgonzola:  duração 5 meses
Parmesão:  congelar em pedaços ou já ralado. Duração: 4 meses
Requeijão e catupiru:   Duração:  apenas 1 mes, desccongelar no refrigerador.
Ricota:  Só congelar em forma de recheios.
Fresco Não pode ser congelado.
Queijo fresco e ricota não podem ser congelados, pois não tem gordura. Queijo cremoso não congela bem.


   

                                                P     Ã     E     S



Não congele pão amanhecido, melhor congelar a porção necessária

Pães  frescos, frances, pães doces e roscas sem cobertura
Duração: 4 meses.
 Embalar em papel alumínio ou em saco plásticco proprio. Pra descongelar vai direto ao forno por alguns minutos  ou  descongelar em temperatura ambiente. 

Pão de forma, bisnaga p/cachorro quente, hamburguer
Duração:  4 meses 
Pode ser congelado na propria embalagem, descongelar em torradeira, forno ou temp.ambiente, na grelha molhando a parte de cima

Pães doces e roscas com cobertura : embalar em papel filme.

Croissants e Brioches
Duração: 4 meses
 fazer congelamento solto (ver em técnicas)  e acomoda-los em sacos plasticos proprios.


                                    
                                                                SANDUICHES


 Não usar recheios que não podem ser congelados, coloca-los após o descongelamento ex. alface, maionese, ovo, tomate etc.
Congelar com recheio apropriado:  manteiga, queijo, carne assada, peito de frango, rosbife, patê, presunto, etc.  Cortar o pão no meio, passar manteiga em ambos os lados, por o recheio de sua escolha. De preferenccia usar pão de forma. Embalar individualmentte em papel filme ou alumínio, acondiciona-los em caixa ou saco plastico proprio. Descongelar em refrigerador ou temperatura ambiente.



                                     

S  A  L  G  A  D  I  N  H  O 
                                                                              

PRONTOS
Fritar ou assar, se fritar escorrer em papel absorvente. Esfriar. Embalar em sacos plasticos proprio, quando for usar dê uma chacoalhada, eles se soltam, ou se preferirr faça um congelamento solto, em tabuleirro e depois ensaque, ou embale em caixas, um ao lado do outro, intercalando as camadas com papel absorvente. Descongelar no refrigerador ou no forno

SEMIPRONTOS
Pra congelar embale como os prontos (acima), descongele no refrigerador e frite na hora de servir.


                            B O L O S     E     T O R T A S



Podem ser congelados prontos, com ou sem cobertura. Nãso usar doces caramelados, geleias, gelatinas, frutas frescas, cremes, chantilin para recheios e coberturas. Não congelam bem. Colocar somente na hora de servir, quando descongelado.

TORTAS E BOLOS RECHEADOS COM COBERTURA:
Duração: 3 meses
Se quando descongelar Não for usar todo ele, congele em pedaços, em tabuleiro (congelamento solto),   até que a cobertura endureça, embalar em papel filme ou alumínio. Descongele no refrigerador ou temperatura ambiente, se tiver pressa.

BOLO SIMPLES  SEM COBERTURA:
Embrulhar em papel filme e acondicionar em saco plastico. Descongelar no refrigerador ou em temperatura ambiente.

BOLO COM MANTEIGA - duração  10 meses
BOLO SEM  MANTEIGA - duração    6 meses

BOLO INGLES :  duração 3 meses
                                                                                     
SONHOS:  congelar sem recheio (duração 4 meses)

TORTAS:
Não congele se tiver cobertura com chantilin, coloque-o quando descongelar. Se tiver maizena no creme também não, substitua a maizena pela farinha de trigo, aí sim. Com gelatina também não.
São otimas pra congelar as que tiverem frutas, legumes ou carnes.
Podem ser congeladas antes ou depois de assar.
Duração: pronta 4 meses
crua: 6 meses
Descongelar diretamente no forno ou em temperatura
ambiente.
No caso de tortas prontas, diretamente ao forno
ficam com um sabor bastante fresco.

Tortas com recheio de queijo, congela-se crua.







  

                      



TABELA DE PRAZO DE VALIDADE:

PÃES:     4 meses
PASTEIS:    4 meses
PÃES DOCES:     4 meses
SONHOS:     4 meses
BOLO SEM MANTEIGA:     6 meses
BOLO COM MANTEIGA :     10 meses
TORTA PRONTA:     4 meses
TORTA CRUA:     6 meses             




                    P R A T O S   P R O N T O S

Congelam-se muito bem.
Sopas, ensopados, assados, strogonoff, molhos, sobremesas etc.
Não se congelam cremes como pudins ou manjares.
A comida ao ser congelada Não deve ser muito cozida, pois voltará ao fogo.
Quando acondicionada não deixe muito espaço vazio, preencha-os com papel absorvente amassado.

PRAZOS DE VALIDADE

SOPAS:     6 meses
PRATOS PRONTOS:     3 meses
SOBREMESAS:     3 meses

 PANQUECAS  Congelar recheadas ou não. Se congelar os discos, separa-los um a um com plastico proprio ou celofane.


                                        
[
PIZZAS
Congela-se prontas ou somente os discos.


LAZANHAS 
Congela-se pronta. Descongela-se no forno. 

RAVIOLI, CANELONI OU CAPELETI
Congela-se cru  ou com molho 

CAROLINAS                                                    
Podem ser congeladas

CREMES
Tipo mingau não congelam, entretanto misturando-se frutas, queijos, leite condensado, ovos, legumes ou gelatinas, congelam perfeitamente.

GELATINAS
Puras não congelam

MOLHOS 
Qualquer tipo de molho pode ser congelado, exceto o molho branco.



                                                D   I   C   A   S

Na fritura (bifes, omeletes etc) substituir o oleo por Untex.
Substitua a maizena por farinha de trigo ou araruta.
Nas frituras a milaneza, use somente as claras.
Em frituras com bastante oleo, misture nele 1 colher de sopa de alcool de cereais (misture fora do fogo-inflamável)
Uma rolha dentro da gordura evita espumar, queimar e amargar
Utilizar primeiro sempre o que estiver congelado há mais tempo. Respeitar precisamente a data de validade, bem como a data de execução.
Procure marcar numa ficha ou caderno tudo que tiver no freezer, em ordem de vcto, evitando assim que ultrapasse a data de validade.

LIMPEZA DO CONGELADOR:  
Desligar e esperar descongelar. por dentro lavar as prateleiras, gavetas, paredes internas com 3 litros agua morna, 1 colher de cha de bicarbonato de sodio e 1 xicara de vinagre. Enxaguar e secar cuidadosamente.

Ao escrever estas noções, minha intenção foi passar a voces o que aprendí , aqui contém o básico para iniciação. Aqui são ressaltadas as vantagens da técnica de congelamento, sobressaindo a economia em termos financeiros e a racionalização do tempo da dona de casa.
Quanto a racionalização do tempo é de se salientar que nas regiões mais evoluídas do globo, a técnica de congelamento e utilizada há muitos anos e com bastante sucesso, a ponto de as mulheres consumirem uma pequena parte do dia na cozinha, proporcionando assim a possibilidade de atualização em outras atividades e uma melhor assistencia a família e a sí propria.


sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

HAMBURGUERES



Costumo fazer hamburgueres em casa, pois eles ficam menos caloricos,  mais saborosos e mais nutritivos.  Eles podem ser de carne bovina, frango ou calabresa (uma mistura de carne bovina e suína).  Faço sempre uma receita de cada já que armazeno no freezer.

HAMBURGUER DE CARNE BOVINA

1 quilo de carne moida  (pode ser patinho)                      
1 pacote de sopa de cebola, salsa.
Misture tudo muito bem 





Fazer bolinhas com a carne, se tiver uma balança pese 90 gm de carne para cada bolinha, coloque entre duas folhinhas de plastico e dê a forma com o hamburgueiro. Nunca use papel manteiga para separa-los (ele gruda e vc não consegue tirar) e sim plastico proprio para freezer.  Não aconselho fazer hamburguer com 50 gm pois fica pequeno e quando frito some no prato ou no pão.




Coloque todos, com o cuidado de não deforma-los, num tabuleiro e leve para congelar. Após congelados coloque-os num saco plástico e guarde no freezer.  Levar diretamente na chapa ou frigideira.




HAMBURGUER DE CARNE DE FRANGO

1 quilo de carne de frango moída ou  processada
Alho, cebola ralada, cheiro verde, sal, pimenta do reino, 2 colheres de sopa de farinha de trigo.
Proceder da mesma forma que o hamburguer de carne bovina.




HAMBURGUER CALABRESA

450 gm de carne de porco moída
450 gm de carne de vaca moída
100 gm de bacon moído
Pimenta calabresa seca
1 colher de sopa de farinha de trigo
1 cebola ralada
Alho, sal.     Misturar tudo muito bem e proceder da mesma forma que os anteriores.




V A R I A Ç Ã O:      

O Hamburguer ficará mais nutritivo se voce misturar na carne,  cenoura  triturada no processador (bem miuda), veja na foto abaixo
                    

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

TORRADINHAS DE ALHO



Torradinhas práticas e fáceis de fazer. Sobrou pão e não sabe o que fazer com eles?

Corte-os em fatias e passe sobre elas uma pasta feita com manteiga ou maionese e alho triturado. Coloque numa forma e regue com pimenta do reino, oregano, sal e azeite. Leve para assar. Fica uma delícia. Muito bom com um cafezinho , chá, suco.



Postagem em destaque:

BOLO DE MARACUJÁ

Postagens mais lidas: