sábado, 30 de julho de 2011

A FORÇA DAS ESPECIARIAS




Açafrão da Terra:  Extraído da raiz da cúrcuma. Com açafrão o arroz e a galinha ficam  uma delícia e com um colorido lindo. De sabor um pouco amargo  e cor amarelo-dourado é extraído da raiz seca e moída da planta. Dá sabor e cor aos alimentos.. Utilizado em pratos com ovos, picles, molhos cremosos, maioneses, manteigas, massas, frango, peixes, arroz e pães. Ativa o sangue e faz circular a energia. Elimina toxinas. Indicado para a inquietude da alma. É estimulante do desejo sexual.

                                                         
Alecrim: Erva de aroma fresco, dá um sabor especial às aves, aos molhos e sopas de tomate, peixes, frutos do mar, carnes, patês, omeletes, ensopados (carneiro fica sensacional), beringela, batatas, couve-flor, pães, sucos e saladas de frutas. Ótimo no churrasco quando salpicado sobre o carvão. As folinhas secas maceradas, passadas em carne de porco ou galinha, antes de assar, dão um toque especial. Um pouquinho também no bolo de fubá fica ótimo
.
Alho desidratado (em flocos ou granulado): Seco e desidratado, substitui o alho fresco em todas as suas aplicações.  O alho é essencial em praticamente tudo que se faz de salgado. O segredo é usá-lo com exatidão.
Alho Porró: lembra um pouco a cebola, é ideal para os molhos à base de manteiga e cogumelo fresco, saladas, sopas e caldos de peixe

Anis Estrelado: É típico no preparo de pratos da cozinha chinesa a base de carne de porco e pato. Também usado para fazer licores, chás e aromatizar bebidas alcoólicas.


Arruda: As benzedeiras dizem que seu aroma espanta o mau-olhado.É a erva do arrependimento, pois estimula a consciência dos próprios erros.Não é planta comestível.

Bacon em Flocos: Uma delicia em batatas recheadas e na salada Juliana.
                                                                 
Canela em pó: Pode Ser usada na preparação de pães, bolos, cafés, doces com frutas.  É a casca de uma árvore. Usada em pedaços ou em pó, tem sabor e aroma fortes. Indispensável no quentão e no ponche de vinho quente, em pedaços. Em pó é especialmente empregada em bolos, doces, pães, tortas. A doçaria brasileira indica para polvilhar cremes, compotas. Bem usada é ótima para temperar carne de porco, presunto e caças. Aquece e limpa os canais energéticos. Alivia cólicas menstruais, espasmos e indigestão. Relaxa depois de emoções fortes.

                                                               
Cardamomo: Sementinha que tem gosto de gengibre. Essencial na cozinha indiana, é usada no tempero de arroz, Sopas, picles, carnes, pães, biscoitos, bolos, cremes. Ótimo no café árabe e para aromatizar licores. Kibes
                                               
                                                     
Cebola em flocos: pura e desidratada é indicada em todas as preparações da cebola fresca, bastando hidratá-la em água gelada, ou adicioná-la seca em sopas, molhos, aves e carnes bovinas, etc
.
Cebolinha verde: Parente da cebola, mesmo aroma, mesmo sabor, mas menos marcante. Não deve faltar nos refogados, molhos, vinhas-d’alhos e saladas. Muito usado em omeletes, molho vinagrete e molhos à base de creme de leite para peixes. Ótimo também em patês de ricota, queijo cremoso, sopas e saladas

.
Chilli (Mexicano): Ingredientes: pimenta chili, cominho, orégano e alho. Utilizado em pratos mexicanos, dá um sabor especial às carnes, peixes, frutos do mar, ovos e cozidos. Ótimo também em carne moída e hamburguer.

Coentro (folhas): Da família dos cheiros-verdes, parente da salsa, com sabor e perfume bem estimulantes. A folha é indicada para pratos de peixe e frutos do mar. Deve ser usada com parcimônia, pois seu sabor é acentuado
Coentro (sementes): A semente moída, esfregada em carne de porco ou frango, antes de assar, é sensacional. Bom também para molho de carnes. A semente inteira é usada no preparo de ponches, pickles, doces e no café. Também usado no tempero de peixes, carnes, aves, assados ou grelhados, molhos, sopas de feijão, lentilhas e legumes. Também muito utilizado em pratos da culinária baiana, destacando-se as moquecas e as caldeiradas de peixes e frutos do mar. Bom para o sistema digestivo. Indicado para tratamento de sarampo incubado.
Cominho (em Sementes ou moído): de sabor forte, deve ser usado em pequenas quantidades em pratos à base de queijos, ovos, carnes, oves, batotas e legumes. Também recomendado no preparo de molhos e pães. Vai bem até no feijão. As sementes moídas são muito usadas para o tempero de picles.
Colorífico: Também conhecido como colorau, dá cor apetitosa realçando um tom vermelho-alaranjado nas carnes, arroz, frango, peixes, caldeiradas e moquecas. Usado também para o preparo de picadinhos de carnes, sopas e molhos em geral.

Curry: Originário da Índia. É uma mistura de vários temperos e condimentos. Realça o sabor dos alimentos, e é indicado no preparo de carnes, aves, peixes, sopas, molhos, arroz, casseroles, queijos, legumes, camarões, ovos e canapés.
Cravo: A semente, com o cabinho, é decorativa e aromática. Bom para doces brasileiros e compotas. Em pó tem sabor forte, ao mesmo tempo doce e picante. Tem que ser usado com moderação em bolo de carne, caldos, ensopados e chás.Combate dores de dente e problemas digestivos. Tem propriedades tônicas e fortalece os músculos. Seu óleo é ótimo para aplicar em massagens.
                                              
Endro Sementes: Vai muito bem em peixes e sopas. Excelente para conservas de pepino, pimentões e picles.

Endro Dill: Indispensável no preparo de peixes, molhos, salada de batatas, marinados, pickles, carnes, sopas, pães, massas, queijos e compotas.
Erva Doce: Muito utilizada no preparo de biscoitos, bolos (bolo de fubá), bolachas, pães, queijos, molhos para saladas, frutas em calda, peixes e frutos do mar. Usadas com sabedoria melhoram sopas, creme de tomate e pratos de peixe. Úteis também em pastas de queijo. Excelente para o preparo de licor e de chás calmantes. É digestiva.  Lavar o rosto com o seu chá tonifica a pele e combate as rugas.
Estragão: Perfeito para o tempero de porco, galinha, ovos e peixe. Dá um sabor especialíssimo a molhos de saladas à base de vinagre, sopas e pastas de queijo. Ótimo bem picadinho junto com a manteiga derretida, para derramar sobre aspargos, vagem, beterraba, ervilha ou espinafre. Ou ainda para passar sobre bifes prontos.


Gengibre: Raíz de sabor extraordinário, adocicado e picante. Ralado é imprescindível no vatapá. Dá um gostinho especial em pratos de carne moída, peixes e camarão. Muito usado em pó para doces, bolos e pães. Excelente no preparo de conservas, pickles, ‘chutneys’. Estimula o bom funcionamento do estomago, do coração e dos pulmões. É diurético e pode aliviar dores de cabeça. É ingrediente da cozinha afrodisíaca.
Gergelim: Sementinha com sabor muito semelhante ao das amêndoas. Muito usado na cozinha árabe. Bom para acrescentar à massas de pãezinhos, certos bolos, biscoitos. Fica ótimo polvilhado sobre galinha, peixe ou macarrão, antes de ir ao forno. Também usado na culinária japonesa para o preparo de sushis e uramakis.Revigora o fígado e os rins. É usado para combater dores provocadas Npor artrites. Excelente fortificante.
Glutamato: Não só tempera como realça o sabor dos alimentos. Usa-se no preparo, ou polvilhado depois dos pratos prontos. É um dos grandes segredos da cozinha.
Hortelã: Excelente no tempero de molhos para saladas, sopas, carnes, peixes. Muito popular na cozinha árabe. Gostosa em refrescos e complemento de drinques. Faz licor saboroso e vai muito bem em geléias. Acalma, controla atitudes precipitadase harmoniza o ambiente. Melhora a visão e clareia as ideias.
Louro (em folhos ou moído): utilizado em pequenas quantidades, é ideal no preparo de molhos, caldos, feijões, legumes, assados, carnes e frutos do mar. Fundamental para o Bouquet Garni (folhas de louro, talos de salsa, tomilho e alecrim) e para aromatizar caldos e ensopados.
Kummel: tem sabor adocicado. Usado no preparo de carnes e aves assadas. Também em sopas de legumes, saladas, marinados, biscoitos, patês, pães, bolos e queijos.

Lotus (raiz): É fortificante e expectorante. Ajuda nas situações de tensão e estresse.


Malva  (flor): Suaviza o caráter. Deixa a mulher mais feminina e o homem mais sensível.
Manjericão: de sabor marcante e agradável, é ideal para receitas com tomate, em pizzas, molho para churrasco, lagosta, assados, saladas e legumes. E o principal ingrediente do molho ao pesto.  Essencial na vinha-d’alhos. Genial em peixes, camarões, ovos, queijo, tomates recheados e molhos de tomate.

Manjerona: de sabor requintado, semelhante ao orégano, é ideal para valorizar carnes e aves, pratos à base de tomate, sopas, saladas e com manteiga derretida em peixes grelhados. Muito utilizada para pratos de cozimento rápido.


Mirra (resina):  Como incenso, neutraliza a negatividade dos ambientes. Não é comestível.


Mostarda (em sementes ou moída): É usada na preparação de molhos para saladas e maioneses, carnes, aves, sopas, legumes e pratos com ovos e queijos.



Noz-Moscada (em grão ou moída): ideal para molho bechamel, molho branco, legumes, sopas, batatas, no recheio de massas, bolos, biscoitos, tortas, waffles e em bebidas com leite quente ou gelado. Formidável para o tempero de carnes, ou qualquer receita de carne moída.

Orégano: Não há pizza que se preze sem ele. Ótimo em receitas com ovos, tomates, queijos, cebolas, recheios e molhos para carnes, aves, peixes e saladas de frutos do mar.

Páprica (doce e picante): Pó extraído do pimentão vermelho, muito usado na cozinha húngara. Dá cor e sabor. Em galinha, bolo de carne, carne de vitelo, ‘goulash’, guisados ou ensopados, molhos, fica sensacional.
Pimenta cayena: É vermelha e bastante ardida, feita a partir da mistura de diversas pimentas. Ótima para carnes fortes, peixes e molhos.
Pimenta-do-reino: Essencial em toda cozinha. A preta é mais forte, e a branca mais suave um pouco. Em grão é usada em saladas, marinados, assados e pickles. Moída, pode ser usada em todos os pratos salgados. Ideal na água de cozimento de carnes, molhos, no final do preparo de legumes e verduras, salpicada sobre carnes, peixes e frangos antes de grelhar.
Uma curiosidade a respeito da pimenta é que tanto a verde, quanto a branca e a preta são a mesma pimenta, no entanto a verde é em estado natural, a preta é seca e com casca e a branca é a preta sem casca.
                                                   

Pimenta do reino branca (em grão ou moída): Com sabor mais suave que a pimenta preta, é usada em todas as receitas salgadas. Especialmente indicada para pratos que não podem ter sua aparência e cor alteradas.

Pimenta malagueta: Vermelha e bastante ardida, deve ser usada com parcimônia
.
Pimenta Chilli: Extremamente picante, é utilizada no preparo de pratos mexicanos e italianos. Ideal para sopas, cremes, molhos cremosos e de tomate, frutos do mar, carnes, aves, vegetais e coquetéis.
Pimenta rosa:  É na verdade a semente da árvore Aroeira. Misturada à pimentas do reino preta, branca e verde, decoram e conferem sabor delicado a saladas, malhos, grelhados e frutos do mar. Deve ser usada com moderação, pois seu sabor predomina sobre o sabor de outros temperos, mas acompanha muito bem queijos, molhos brancos e risotos.
Pimenta Jamaica: Muito saborosa. É um tempero gostoso e versátil, que valoriza salgados ou doces, bolos e pães. Sabor lembra uma mistura de cravo, canela e noz-moscada. Especialmente indicada para sopas, ensopados, carne de panela, molhos, bolos de frutas e bebidas quentes. Vai bem em carnes de todos os tipos e faz parte da vinha-d’alhos.
Salsa: De todos os cheiros-verdes é a mais conhecida e usada. Ótima para o tempero de risotos, sopas, assados, batatas na manteiga, omeletes. Muito usada no tempero de carnes de toda espécie, refogados, pratos de forno, farofas, pastas de queijo, verduras, molhos.

Sálvia: Folha de sabor forte, muito popular na Itália. Bem aproveitada para farofas, recheio de galinha, peru, pato. Indicada em marinados, sopas, cremes, molhos de tomate, queijos, em massas com manteiga, batatas, biscoitos e chá.

Segurelha: Aromática e picante, pode ser usada sozinha ou em combinação com outras ervas em recheios para carnes, peixes ou aves, pratos com ovos, galinha, peru molhos, sopas, e feijões.


Tomilho: Aromatizante de sabor forte, faz parte do Bouquet Garni. Vale a pena experimentar em caldos, molhos, assados, peixes, sopas, recheios para aves. Sensacional para peixe, lagosta e camarão. Melhor ainda em carnes, principalmente de porco: esfregue um pouquinho macerado com sal e pimenta-do-reino. Afasta a melancolia. Proporciona maior vigor físico e ajuda a ter lucidez para tomar decisões consideradas difíceis.

Trigo: Nutre o coração e tonifica o rim. Usado no tratamento de diabetes e diarreias.
Zahtar:  Ingredientes: gergelim, coentro, orégano, manjerona, sal refinado, colorífico e acidulante ácido cítrico. O mais popular tempero da cozinha árabe. É salpicado em carnes e vegetais ou usado para patês. Pode ser misturado com azeite de oliva a distribuído no pão sírio ou massa de esfiha antes de assar.
Zimbro: É um grãozinho quase desconhecido. Os pequenos frutos secos macerados e destilados dão a bebida chamada genebra, ou gin (que é um destilado de cereais infusionado com zimbro para aromatizar). Valoriza bastante temperos de carnes. Faz parte do vinha-d’alhos

BOLO DE COCA COLA

Com esta mesma receita, voce pode fazer bolo de guaraná, soda limonada ou qualquer outro refrigerante, apenas substituindo a coca cola.


Ingredientes:
A)-  2 xic.cha de açúcar, meia xic.cha de margarina ou manteiga, 4 ovos
B)-  2 xic.de cha de coca cola, 3xic.cha de farinha de trigo, 1 xic.de cha de chocolate em pó, 1 colher  sopa de fermento em pó
C)-  Cobertura: 1 lata de creme de leite, 2 colh.sopa de açúcar, 2 colh.sopa de manteiga ou margarina, 2 colh.sopa de chocolate em pó, 1 colher cha de fermento em pó.

Modo de preparo:
Bata bem o açúcar com a manteiga .Junte as gemas e bata mais (reserve as claras).
Junte os ingredientes do grupo B, misture bem e junte as claras reservadas, batidas em neve.
Unte uma forma redonda, com buraco no meio, despeje a massa e leve para assar em forno moderado.
Enquanto o bolo assa, prepare a cobertura. Misture os ingredientes do grupo C e leve ao fogo, sempre mexendo, até engrossar. Desenforme o bolo e cubra ainda quente. 

Outra sugestão para a cobertura: misture meia lata de leite condensado com um vidro pequeno de leite de coco e despeje sobre o bolo, depois de frio.


BOLINHO DE ARROZ

Interessante, gostoso, bom para aproveitar sobras de arroz.

Ingredientes:
3 xicaras de chá de sobras de arroz cozido 
1 colher sopa de queijo ralado                               
2 ovos - sal a gosto  -  pimenta do reino  -   salsa
1 colher chá de fermento em  pó
farinha de trigo, o suficiente para dar liga


Modo de preparo:
Opcional: passe o arroz na máquina de moer carne (eu na maioria das vezes não o faço), junte todos os ingredientes e mexa tudo muito bem, até tornar-se uma massa homogenea e com liga. Frite em oleo quente. Faça os bolinhos sem o uso das mãos e sim com a ajuda de duas colheres, como na foto.


Fica mt bom, receita da vovó.
Gosto mt de inventar, já o fiz misturando na massa pedacinhos de calabreza picadinha e tostada no micro, tirando o excesso da gordura com um guardanapo de papel, ou pedacinhos de azeitona  ou bacalhau ou  frango desfiados, etc, use sua criatividade. Mesmo sem esses incrementos, bem temperadinho ele é bom.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

BOLO DE MILHO CREMOSO I

INGREDIENTES:

4 ovos sendo gemas e claras separadas
3 colh.sopa de maizena
3 xic.de chá de leite
2 latas de milho verde escorrido                           
1 colher sopa de margarina
2 xic.de chá de açúcar
5 colh.de sopa de farinha de trigo
1 colher sopa de fermento em po
canela em pó p/decorar

MODO DE FAZER:

Na batedeira, bater as claras em neve e reservar. No liquidificador bater todos os ingredientes, inclusive as gemas,  menos as claras em neve. Transfira a mistura para uma tijela e misture delicadamente as claras em neve. Colocar numa forma, untada e enfarinhada,  22 cm diametro, e leve ao forno médio, pré aquecido, por +- 45 min. até dourar. Polvilhe canela em pó.

DELÍCIAAAAAA.

Postagem em destaque:

BOLO DE MARACUJÁ

Postagens mais lidas: